COMO PODE PREVENIR AS SUAS GENGIVAS DE SANGRAR COM A ESCOVAGEM

As gengivas saudáveis não sangram, portanto sangrar ao escovar os dentes ou usar o fio não é normal. Pode ser um sinal precoce de doença gengival, portanto, em caso de sangramento das gengivas consulte o seu médico dentista ou farmacêutico.

Existem várias causas possíveis para o sangramento das gengivas - uma nova rotina de higiene oral, escovagem em demasia, com força desadequada, ou a utilização de determinados medicamentos. Frequentemente o sangramento das gengivas pode ser provocado pela acumulação de placa bacteriana à volta e entre os dentes. Quando não é removida (normalmente por escovagem) a placa bacteriana pode irritar as gengivas, levando ao seu sangramento.

Aqui estão seis simples passos que pode adotar na sua rotina de higiene oral para reduzir os riscos de sofrer de sangramento gengival:

1. Duas vezes por DIA

A escovagem ajuda a remover placa bacteriana e restos de comida que, quando se acumulam à volta e entre os dentes, podem irritar as suas gengivas e levar a problemas como a gengivite. Escove durante dois minutos duas vezes ao dia, idealmente utilizando uma pasta de dentes com flúor como parodontax.

2. Não falhe ponto nenhum

Assegure-se que limpa cada canto da sua boca sempre que escova os dentes, incluindo zonas de difícil acesso, como entre os dentes. Escove de forma metódica por toda a boca, passando a escova nas superfícies internas e externas de todos os dentes (de cima e de baixo) para além das superfícies mastigadoras. Também pode perguntar ao seu médico dentista a melhor forma de escovar os seus dentes.

3. Seja delicado

Quanto à limpeza dos dentes, mais força não é necessariamente melhor. De facto a escovagem muito agressiva ou em demasia, ou a utilização de uma escova velha, podem danificar o esmalte dos dentes, portanto escove com cuidado. Recomenda-se que se substitua a escova de dentes de três em três meses.

4. Conheça os seus ângulos

Utilize movimentos circulares ou elíticos e aponte a escova num ângulo de 45 graus à volta da gengiva. Tais movimentos, ajudam a limpar a linha da gengiva (onde a gengiva se junta ao dente). Para a superfície interna dos dentes da frente incline a escova verticalmente e utilize a parte da frente para fazer passagens circulares pequenas.

5. Não se esqueça da linha das gengivas

A sua linha gengival pode estar sujeita à acumulação de bactérias prejudiciais que formam placa bacteriana. Tenha um cuidado especial ao remover a placa bacteriana desta zona e também dos espaços entre os dentes. O uso regular de fio dentário ou utilização de escovas interdentais, podem ajudar a controlar a acumulação da placa bacteriana.

6. E não se esqueça da sua língua

Uma boa higiene oral não se resume aos seus dentes e gengivas. Escovar a sua língua com cuidado também pode ajudar a refrescar o seu hálito e limpar a sua boca através da remoção de bactérias.